Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FERNANDO ALAGOA

Blogue Oficial

FERNANDO ALAGOA

Blogue Oficial

04
Mai18

Imoralidade

Texto a propósito dos subsídios de que alguns deputados usufruem por residirem fora de Lisboa. O tema surgiu na imprensa que em Maio de 2018.

 

Há muitos anos, e poucos seriam demais, que um sem número de professores tem vindo a ser desenraizado do seu contexto familiar para ser colocado a centenas de quilómetros do seu local de residência, com todas as consequências que daí resultam, quer a nível económico, quer a nível familiar e, não menos importante, a nível psicológico. Não estão em causa jovens em início da profissão, cujo desterro seria perfeitamente compreensível, mas sim, em alguns casos, professores com uma ou duas dezenas de anos de carreira que, de um momento para o outro, sob o jugo de um sistema déspota, insensível e desinteressado, os envia para o degredo sem qualquer apoio. No reino da aprendizagem não existem abonos, subsídios, ajudas de custo, ou outros, que compensem estados de vida em suspenso, que um conjunto de incompetências teima em manter ano após ano. Tenha-se em atenção que um professor, aquele que o é por vocação e dedicação suprema, desenvolve um trabalho que vai para além da passagem de um mero deputado pela casa da democracia. Um professor é um construtor de Homens, um pilar de comunidades e uma referência que marca a vida daqueles que toca. Existem imoralidades cuja legalidade é inaceitável.

 

© Fernando Alagoa
Editoras
Leya Escrytos
Alphabetum